Nesta quinta-feira o cantor e compositor poços-caldense Pedro Cezar inicia uma sequência de lançamentos audiovisuais que mostram ao público novas canções e detalhes inéditos de sua carreira na música. Produzidos por meio da Lei Aldir Blanc – Lei de Emergência Cultural em Minas Gerais, os materiais estarão disponíveis gratuitamente no canal do artista www.youtube.com/pedrocezar.

Vai ao ar o “Matutando Sessions”,  uma apresentação intimista que reúne composições do repertório do músico, interpretadas em voz e violão, e que ainda não tiveram registro fonográfico. A live conta também com entrevistas, nas quais ele comenta as letras e o surgimento de cada uma das faixas. Canções como “Não há de ser nada”, “Uma modinha pra você” e “Tchau Computadores”, já conhecidas dos fãs mais próximos, evidenciam a mineiridade de Pedro Cezar na forma de compor.

“São músicas que estão guardadas no meu ‘baú de composições’ há muitos anos. Estou feliz de poder, finalmente, compartilhá-las com as pessoas que gostam do meu trabalho e também com quem está me conhecendo agora”, diz o músico. A gravação foi realizada no Espaço Cultural Ziriguidum, em Poços de Caldas, e contou com o apoio do selo musical Yes, Tupi, além de Sandra Ribeiro e Robson Américo na captação das imagens, Thabata Arruda (identidade visual e lettering) e Paulo Belchior na edição e finalização do vídeo e apresentações da banda K2, na qual é fundador, guitarrista e vocalista.