* A discussão sobre o auxilio emergencial, que provocou clima tenso entre os vereadores na sessão de ontem, não terminou no plenário. Ao término da sessão, na porta da Câmara os vereadores Tiago Braz e Silvio Veio (MDB), voltaram ao assunto, da discussão partiram para as ofensas pessoais e não fosse a intervenção do vereador Lucas Arruda e de uma outra pessoa, os vereadores teriam chegado às vias de fato num episódio lamentável que denigre a imagem do poder legislativo.

* E o que é mais lamentável, brigando por conta da prorrogação de uma ajuda a pessoas que perderam o emprego durante a pandemia, mas no fundo, de olho mesmo nos votos que esses beneficiários podem representar, já na eleição de 2022.

* Três vereadores de oposição solicitam prorrogação do prazo para inscrição do auxilio emergencial. O executivo (leia-se prefeito), para não dar cartaz aos oposicionistas, publica noticia dizendo que vai prorrogar, mas atendendo ao apelo dos vereadores da sua base de apoio e logo em seguida corrige colocando os nomes de todos os vereadores na notícia. Que coisa triste, para dizer o mínimo.

* A administração do Cemitério Parque dos Ipês, na zona sul continua não dando a devida atenção aqueles que possuem entes queridos ali sepultados e até mesmo para aqueles que adquirem um pedaço de terra para enterrar seus mortos. Várias são as reclamações devido a falta de manutenção adequada e muitas sepulturas não tem sequer placa com o número para identifica-las.

* Ontem um leitor do blog encaminhou fotos do local onde em junho do ano passado sepultou sua mãe. Até hoje a placa como número 4503 não foi colocada e até a quadra está sem identificação. A fiscalização cabe a Secretaria de Serviços Públicos a quem encaminhamos a reclamação. O titular da pasta, Antonio Donizete Albino ficou de tomar providências e encaminhou a reclamação para o fiscal do contrato da concessão.

* Situação constrangedora viveu o apresentador de um evento esses dias que reunia pessoas ligadas as artes na região. O evento acontecia em Poços e estava sendo transmitido ao vivo pela internet, quando a transmissão foi interrompida por hackers que passaram a exibir vídeos com cenas pornográficas. O apresentador foi colocado em uma tremenda saia justa e aqueles que estavam participando ou assistindo a transmissão ficaram escandalizados com as cenas exibidas pelos invasores.