* Na mesma entrevista em que falou mal do deputado, André declarou que para Poços receber recursos de emendas parlamentares precisa estar com a CND em dia. “A falta da CND está sendo impeditiva, sim, e poderíamos ter tido mais verbas. É um problema que vem se arrastando. Está na hora de sentar à mesa e discutir esta questão e se colocar em prática, porque emendas parlamentares já foram recusadas pela falta da certidão”. Foi o que disse André que está trabalhando para viabilizar sua candidatura a deputado estadual na eleição de 2022.

* E já que existe boa vontade entre as duas (deputado e coordenador), para ver quem consegue resolver os problemas da cidade junto ao Governo do Estado. Que tal arregaçar as mangas e trabalhar para resolver de vez a nomeação de médico legisla e arrumar um local adequado para se fazer os laudos de mortes violentas, sem termos que encaminhar vítimas para na cidade de Alfenas. Esta semana, a família de um mototaxista teve que esperar muitas horas para velar e depois sepultar a vítima por falta de médico legista na cidade.

* Levantamento realizado pela Unifal comparado com dados das últimas quatro semanas aponta que a média semanal de mortes por covid-19 em Poços de Caldas caiu 57%. O estudo mostra também que a vacinação nos idosos a partir dos 70 anos está surtindo efeito na redução dos óbitos. A faixa dos 60 anos não apareceu na estatística porque recebeu a primeira dose só agora e no caso da aplicação da vacina Astrazeneca requer um intervalo de 90 dias. Apesar dos números favoráveis, os pesquisadores alertam para o aumento das internações, que pode colapsar o sistema de saúde. 

* O pároco da Basílica Nossa Senhora da Saúde, padre Francisco Carlos Pereira, diagnosticado com covid-19 no último dia 30 de abril, foi internado na quinta-feira após a realização de uma tomografia diagnosticar um quadro leve de comprometimento pulmonar em razão da doença. Em nota enviada à imprensa, o padre informa que está recebendo toda medicação necessária, que está bem e não sente os sintomas de maneira forte.

* Notícia divulgada pela EPTV Sul de Minas aponta que, na noite da última quarta-feira, Poços de Caldas registrava 79,45% de ocupação dos leitos de UTI para covid, que é a menor lotação desde 15 de março, quando a lotação era de 80,6%. Pelos dados, dos 73 leitos disponíveis no município, 58 estavam livres para serem ocupados.

* Faleceu na quinta-feira, o ex-secretário da Fazenda do governo de Mogi Guaçu, Roberto Simoni, de 76 anos. Ele estava internado na UTI há dez dias por conta da Covid-19. Durante sua carreira política, ele foi vereador entre os anos de 1973 e 1992 e presidiu a Câmara em 1981 e 1982. Foi secretário da Secretaria de Serviços Municipais entre 1997 e 2000 e em 2013 assumiu a secretaria da Fazenda onde passou oito anos no cargo, saindo em dezembro de 2020. Simoni também era comerciante e tinha estabelecimentos comerciais em Mogi Mirim, Mogi Guaçu, Vinhedo e Poços de Caldas.

* Nesta sexta-feirao  secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti, disse, em coletiva de imprensa, que  vacinação de professores e profissionais da educação em Minas Gerais deve começar em junho.