O governador Romeu Zema divulgou um vídeo em sua página no Instagram na noite de ontem em que fala sobre a pandemia no Estado. “Há mais de um ano enfrentamos a pandemia do coronavírus. Neste período o governo de Minas tem feito todos os esforços. Aumentamos de 2000 para 4000 o número de leitos de UTI e de 10.000 para 20.000 os leitos de enfermaria, compramos respiradores, ampliamos o número de profissionais de saúde. Nos preparamos para a maior operação de vacinação do estado, que está em andamento. Mesmo assim chegamos no momento mais difícil, os hospitais estão no limite. Ao mesmo tempo em que muitas pessoas não estão respeitando as medidas de isolamento. O resultado é que todas as regiões do Estado enfrentam hoje dificuldades para oferecer atendimento médico. Por isto, ouvindo os especialistas em saúde e o nosso comitê de enfrentamento ao Covid anunciamos medidas mais duras, pensando na proteção de todos os mineiros e para garantir atendimento adequado”, disse o governador.

Zema informou que a partir desta quarta-feira, dia 17 de março, todas as regiões de Minas entrarão na onda roxa,a princípio pelo prazo de 15 dias, isto significa medidas mais restritivas e obrigatórias. Só poderão funcionar os serviços essenciais e as pessoas não deverão circular pelas ruas, exceto aquelas que trabalham nas atividades essenciais. “Em reunião com prefeitos há pouco discutimos a situação. Deixei todos eles cientes da gravidade dos fatos. Uma medida dura, mas extremamente necessária neste momento para evitar um cenário pior do que este que já estamos vivendo. Faço um apelo a todos os mineiros, precisamos manter as medidas de proteção e de distanciamento social. Não vamos deixar que o cansaço nos vença. Por favor respeite e colabore para que possamos vencer esta guerra”, afirmou Zema.