O presidente da Câmara de Poços, vereador Marcelo Heitor (PSC), e o vereador DineyLenon (PT) estiveram, na última semana, no Condomínio Residencial Sonho Dourado I, zona sul da cidade. Eles foram convidados pelas famílias que aguardam a entrega dos apartamentos para conhecerem o local. Também participaram da visita o secretário municipal de Promoção Social Carlos Eduardo Almeida e a assistente social Marília Silvestre

Segundo o vereador DineyLenon, a visita foi feita após uma articulação das famílias, que buscaram contato com alguns vereadores. “A partir daí o presidente foi convidado como representante da Casa Legislativa, em uma tentativa de sensibilizar todos os vereadores para a pauta que é importante. Na visita, tivemos o compromisso do presidente no agendamento da audiência pública que vai debater esse tema, conhecemos os apartamentos e acompanhamos in loco algumas famílias que estavam fazendo a vistoria. O encontro foi positivo no sentido de que trouxe um envolvimento da instituição Câmara, visto que o presidente estava presente, e é importante que as autoridades se empenhem ao máximo, dentro das suas atribuições, para que os apartamentos sejam entregues o quanto antes”, disse.

Durante a visita, Diney questionou sobre o acesso das famílias aos diversos serviços públicos. “Uma das indagações que fiz ao secretário foi sobre a previsão de creches, escolas e serviços como PSFs e CRAS para essas famílias, visto que é uma preocupação que já temos no Condomínio Novo Horizonte”, destacou.

Marcelo Heitor ressaltou que tem conversado com o Executivo para tentar agilizar todo o processo. “Recebi o convite de representantes das famílias para uma reunião e para conhecer os apartamentos, Diante da situação, estamos agendando a data da audiência pública para debater o tema e tenho conversado com o Executivo pedindo que possa resolver o mais rápido possível essa situação, que envolve Prefeitura, Caixa, Cartório e Construtora, para que as famílias recebam as chaves e saiam do aluguel. Vivemos em um momento delicado e é preciso atenção do poder público nessa questão, tudo dentro da legalidade”, afirmou.

Ainda durante a visita, foram discutidos outros assuntos, entre eles o trabalho social que vem sendo realizado com os moradores antes da entrega dos apartamentos. As famílias estão tendo a oportunidade de esclarecer dúvidas sobre todo o processo que envolve o convívio em residências verticais. Ao todo, o condomínio conta com 17 blocos, em um total de 300 apartamentos.

O pedido para realização da audiência pública foi feito pelo vereador DineyLenon e a data será agendada pela Câmara.