Portal de Notícias e Web Rádio 

A primeira reunião da Comissão Parlamentar de Inquérito da Saúde, realizada na manhã de ontem, na Câmara Municipal, foi presidida pelo vereador Diney Lenon, que procedeu a chamada dos integrantes, Kleber Silva, Douglas Dofu, Claudiney Marques e Silvio de Assis. Em seguida ele leu o requerimento que deu origem a comissão e os objetos que serão apurados.

O vereador anunciou a eleição secreta do presidente, vice-presidente e relator, mas antes deixou a palavra aberta a todos, tendo os vereadores Kleber e Silvio colocado os nomes à disposição para a presidência, Claudiney para vice-presidente e Diney colocou para relator.

Por 4 votos foi eleito presidente da CPI o vereador Silvio de Assis, do MDB. O vereador Kleber teve apenas um voto, provavelmente o dele mesmo. Em seguid ocorreu a eleição para vice-presidente, tendo Claudiney recebido 4 votos., com um voto nulo.

Na eleição para relator, Diney foi eleito por 4 votos e novamente registrado um voto nulo. Com a escolha definida, Diney passou a presidência para Silvio que falou como será a sua condução na comissão.

“Eu gostaria de agradecer aos nobres vereadores pela escolha do meu nome. Quero agradecer ao Kleber pela disputa leal. É minha segunda CPI, na outra eu fui o vice-presidente, posso garantir que farei meu trabalho da melhor forma possível, sem politicagem, e com o pensamento no correto, no que é certo, porque estamos aqui para representar a população e se hoje eu sou um dos 15 que a representa na Câmara, este será meu objetivo, fazer o meu melhor”, garantiu Silvio.

Claudiney também agradece

“Agradeço na confiança e na certeza de que cada um de nós fará o seu melhor, dentro dos princípios, valores que são comuns a cada um de nós. Na certeza que faremos um trabalho objetivo, direto, claro, transparente e, dentro do possível, num período suficiente para que possamos dar uma resposta com clareza, com objetividade à sociedade, que é o que verdadeiramente importa”, afirmou Claudiney.