Tensão com PF distancia Bolsonaro de Moro

Em mais um sinal de distanciamento em relação ao ministro da Justiça, Sergio Moro, o presidente Bolsonaro disse ter a prerrogativa de trocar o diretor-geral da Polícia Federal. “Está na lei. Eu que indico, e não o Sergio Moro”, disse. Para pessoas próximas a Moro, Bolsonaro terá que assumir o ônus de demitir seu ministro mais popular. (Globo)

Fechar Menu