SP: ato de oposição a Bolsonaro

Teatro da Universidade Católica de São Paulo (Tuca), em São Paulo, recebeu na noite desta segunda-feira, 2, um ato de lançamento do Direitos Já, movimento que reuniu dezenas de líderes de vários partidos desde a esquerda representada pelo PC do B até a centro-direita do PL. O evento teve como mote a defesa da democracia e contra “ameaças de retrocesso” do governo Jair Bolsonaro.

O ex-ministro Ciro Gomes (PDT); o governador do Maranhão, Flavio Dino (PCdoB); o deputado Marcelo Ramos (PL-AM), que presidiu a comissão especial da reforma da Previdência; o ex-governador Marcio França (PSB), o deputado Paulo Pereira da Silva (SDD), a ex-prefeita Marta Suplicy (MDB), dirigentes da Rede, PV, Cidadania e outros dez partidos subiram ao palco do Tuca, na zona oeste da capital, junto com representantes da sociedade civil, como o presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE), Iago Montalvão, o cardeal d. Claudio Hummes e o jurista Pedro Serrano, entre outros.

Fechar Menu