Só encrenca…

Depois de assumir o Monotrilho e voltar atrás na canelada do IPTU, o chefe do executivo tem agora pela frente mais um pepino em sua mesa que é o projeto de lei que acaba com o serviço de charretes de aluguel. De um lado a pressão dos defensores dos animais e dos vereadores Ciça e Bonafé, e do outro os hoteleiros e alguns comerciantes que se beneficiam deste tipo de atração turística.Ontem, um dos líderes dos charretistas disse que já existe um compromisso verbal do prefeito em não mexer com o assunto durante o seu mandato.

Fechar Menu