Rodoviária fecha ano com R$ 1 milhão de receita

O Terminal Rodoviário Intermunicipal, da zona Oeste, obteve receita de quase R$ 1 milhão no ano de 2018. Os valores contabilizados pela Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SMSP), que desde 1º de novembro de 2017 responde pelas atividades realizadas no local, se referem a um exercício completo. A prefeitura assumiu todas as operações, após o encerramento do contrato de concessão firmado com a empresa Socicam.

O secretário, Thiago Biagioni, informa que desde o final de 2017, todo dinheiro obtido com os serviços prestados na área do Terminal Rodoviário, entram para o caixa de prefeitura. Segundo ele, os recursos são obtidos com a cobrança de taxas de embarque, utilização dos sanitários, guarda volumes, estacionamento de turismo e aluguel de espaço para comercialização de produtos.

Biagioni diz, ainda, que cerca de 12 servidores da SMSP cuidam da limpeza do terminal e do paisagismo dos jardins, calçadas e ruas ao entorno. Segundo ele, a manutenção do espaço interno como o setor de embarque, banheiros e áreas de circulação de pessoas, também é feita diariamente por trabalhadores da prefeitura. “Recentemente o lago foi restaurado e, para isso, foi utilizada mão de obra da prefeitura”, comentou.

O coordenador da Zeladoria da Zona Oeste, José Damião, diz que as obras de recuperação do reservatório e dos sistemas hidráulico e elétrico do lago, localizado na entrada principal do terminal, contaram com apoio técnico do Departamento de Água e Esgoto (Dmae) e da DME Distribuição.

O Terminal Rodoviário Intermunicipal é ligado ao setor de transporte público da cidade e, por força de lei, o prédio é de responsabilidade da Secretaria Municipal de Defesa Social. No local, funciona também a Secretaria de Promoção Social.

Fechar Menu