Levantamento ainda aponta que a taxa de rejeição está em alta desde outubro do ano passado, quando apresentou 31%

Para 54% dos eleitores, a gestão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) é “ruim” ou “péssima”, segundo a pesquisa XP/Ipespe divulgada nesta terça-feira (17). Em julho, a rejeição era de 52%. O levantamento ainda aponta que a taxa está em alta desde outubro do ano passado, quando apresentou 31%.

Para 23%, o governo é “bom” ou “ótimo”, dois pontos percentuais a menos do que em julho. Os números apresentados nesta terça são os piores da série. A pesquisa foi realizada com mil entrevistas em todo o Brasil, entre 11 e 14 de agosto. A margem de erro é de 3,2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Para 63%, a gestão de Bolsonaro está no caminho errado. Em relação à pandemia da Covid-19, houve estabilidade. O grupo que manifesta estar com muito medo da crise sanitária oscilou de 38% para 39%.