“Que se explodam”

O senador Flávio Bolsonaro utilizou o Twitter nesta terça-feira para sair em defesa de seu pai, Jair Bolsonaro, após o Hamas criticar a visita do presidente brasileiro ao Muro das Lamentações ao lado do premiê israelense Benjamin Netanyahu e pediu uma “reação unida dos países árabes”, de acordo com informações do Estadão. “Quero que vocês se explodam!!!”, escreveu Flávio em sua conta no Twitter ao compartilhar uma reportagem do site da revista Exame sobre um pedido do Hamas para que o governo brasileiro se retrate

Fechar Menu