Portal de Notícias e Web Rádio – CNPJ 44.219.101/0001-23

Aconteceu nesta terça-feira, na capital mineira Belo Horizonte, uma Audiência Pública que debateu os impactos socioambientais e os riscos para os moradores dos municípios da região de Caldas, no Sul de Estado, da transferência iminente de 1.179 toneladas de rejeitos radioativos para as instalações da INB – Indústrias Nucleares do Brasil, instalada no município de Caldas-MG.

A audiência atendeu solicitação da Comissão de Administração Pública da ALMG, com base no requerimento da deputada estadual Beatriz Cerqueira.

Esteve representando o prefeito municipal de Poços de Caldas, na Audiência Pública, o Diretor do Departamento de Meio Ambiente (DMA), Joelmar Lucas de Andrade sendo que em sua explanação comentou sobre a preocupação que o município observa com este problema. “São riscos iminentes que a INB representa para Poços e toda a região devido aos possíveis impactos sociais, ambientais e econômicos que tal ação poderá acarretar. O município se coloca solidário com a causa e deixa registrada a manifestação contrária a este transporte para a unidade da INB de Caldas com mais essa carga de rejeitos radioativos.”

O prefeito Sérgio Azevedo, também comentou sobre e se posicionou quanto ao tema. “Estamos acompanhando esta decisão e o nosso Departamento de Meio Ambiente está atento, acompanhado todos os desdobramentos. Manifestamos desde já que somos contrários e somos solidários a Caldas e as cidades vizinhas, juntos nesta união de forças para impedir que isto aconteça.”

Estiveram presentes também na oportunidade em BH, os prefeitos de Andradas, Caldas, Ipuiuna, Ibitiúra de Minas e Santa Rita de Caldas, além de vereadores destas mesmas cidades e de forma virtual, a vereadora de Poços Dra. Regina Cioffi.