Portal de Notícias e Web Rádio 

Cavelagna lembrou que foi votada a atualização do Plano Diretor, mas que entende que isso deve ser um estudo contínuo e não realizado de tempos em tempos.

“Não dá para ser alterado com muita frequência, porque mexe diretamente com a dinâmica econômica da cidade, com o mercado imobiliário, mas estabelecer data para fazer esses estudos também não acho correto”, afirmou.

Cavelagna informou que está sendo um prazer trabalhar como adjunto na secretaria de obras, ao lado do titular, José Benedito Damião, que é muito trabalhador e dedicado.

“Você contribuir com Poços de Caldas é muito gratificante e é isto que ainda me motiva e me mantém ativo na vida pública”, afirmou.