“Pintando o Sete”

Aproximadamente 1.700 profissionais da educação – entre berçaristas, auxiliares de desenvolvimento infantil I e II, merendeiras, serviços gerais, auxiliares de educação inclusiva, coordenadores pedagógicos e professores – participam, nesta quarta-feira, do “Pintando o Sete 2019”. Durante todo o dia, os educadores participam de oficinas em sete locais diferentes.

O “Pintando o Sete” visa fomentar experiências e práticas entre educadores, apresentando alternativas pedagógicas e ferramentas metodológicas que auxiliem na elaboração, construção e efetivação do trabalho educativo nos Centros de Educação Infantil municipais, respeitando as singularidades e diversos contextos.

Esta será a 19a edição do evento. Em 2019, o ciclo formativo foi pensado para atender os documentos norteadores da educação básica, oferecendo novas possibilidades para o fazer pedagógico, de forma autônoma, responsável e lúdica. O Pintando o Sete de 2019 traz o tema “Com vivências”, pensando no trabalho coletivo e colaborativo para a restruturação dos currículos e Projetos Político Pedagógicos nas unidades da rede municipal.

As formações visam colocar em prática os direitos de aprendizagem e desenvolvimento, presentes na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e no Currículo Referência de Minas Gerais. Além desses referenciais de orientação, o trabalho também leva em consideração os eixos norteadores do trabalho pedagógico da rede municipal de ensino: Educação Científica; Direito à Cidade; Arranjos Culturais; e Expressão, Corpo e Movimento, previstos no Documento Municipal: Diretrizes para Elaboração dos Currículos Escolares, que reúne também o Plano de Convivência Ética nas escolas.

O “Pintando o Sete de 2019” está estruturado em oficinas e palestra que fazem o diálogo com os conhecimentos teóricos, pedagógicos, metodológicos e práticos do campo da Educação Infantil, com oficinas para diferentes grupos, com funções específicas para orientar de forma assertiva o trabalho desenvolvido nas unidades.

Fechar Menu