PIB negativo no 1º trimestre

Estimativas apontam queda no Produto Interno Bruto (PIB) no primeiro trimestre do ano, na comparação com os três meses anteriores, o que não acontece desde 2016. Os bancos Fator, Bradesco e Itaú Unibanco já trabalham com retração entre 0,1% e 0,2% no período, enquanto outras instituições esperam leve alta, mas não descartam possibilidade de queda. Analistas apontam os sinais: consumo de energia mais fraco, confiança mais baixa e uso da capacidade instalada menor. (Estado)

Fechar Menu