Portal de Notícias e Web Rádio 

Ontem a Polícia Federal confirmou ter aberto inquérito para apurar possíveis irregularidades na saúde em Poços de Caldas.

A PF vai apurar os contratos firmados pelo município com empresas de serviços médicos; consultas e procedimentos médicos em volume de carga horária superior a 24 horas diárias; pagamento de horas extras; o emprego de verbas da covid-19 e conflito de interesses na contratação e supervisão dos serviços prestados pelos contratados.

Como ainda não foi intimado, o município vai aguardar os trâmites para só depois se pronunciar sobre o tema.