Petista pode ficar inelegível

As dívidas que o petista Fernando Pimentel deixou para o seu sucessor, principalmente o não repasse de recursos constitucionais para os municípios podem causar a inelegibilidade do ex-governador. Ele pode responder por improbidade administrativa e perder os direitos políticos por oito anos, como prevê a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Fechar Menu