Pela metade

O prefeito já disse mais de uma vez que o Parque Municipal Antonio Molinari vai passar por uma reforma que deixará tudo nos trinques, com pista de caminhada mais larga, sinalização de três vias, quadras novas de baquete e mais uma porção de melhoria.

Até aí, tudo bem, mas o que não dá para entender é o fato de ter iniciado a obra sem o recurso para conclui-la. A pista de caminhada está horrível, a água empoçando em vários pontos e as quadras estão desativadas com as obras paralisadas.

Não seria mais lógico ter começado a obra apenas depois do recurso garantido para evitar as críticas? Sinceramente.

Fechar Menu