Os alunos de Poços que estão no projeto Parlamento Jovem de Minas 2021 participaram, no início desta semana, da primeira oficina de formação temática. O tema Resíduos sólidos foi abordado pelo cofundador da Cooperativa Ação Reciclar, Antônio Aparecido Almeida, em um encontro online com os estudantes.

Além de contar um pouco da sua história de vida, já que começou a trabalhar como catador de materiais recicláveis aos 13 anos, Toninho, como é chamado, já trabalhou em uma cooperativa de cafeicultores da região e, há 15 anos, mudou-se para Poços de Caldas. Formado em Administração, fundou a Cooperativa Ação Reciclar ao lado de um grupo de catadores. Toninho também atuou por sete anos no sul e sudoeste de Minas como mobilizador social pelo INSEA – Instituto Nenuca de Desenvolvimento Sustentável. Atualmente, paralelo a seus projetos, atua como catador avulso, coletando materiais recicláveis em edifícios, casas e nas vias públicas.

Durante a apresentação aos alunos, ele falou sobre como funciona o processo de coleta de materiais recicláveis, pontuando quais tipos de resíduos existem, suas características e algumas dicas para a reciclagem. Toninho, abordou, ainda questões envolvendo a gestão de resíduos orgânicos.

O tema do PJ este ano é Desenvolvimento Sustentável e Meio ambiente, dividido em três subtemas: 1) Mudanças Climáticas e Proteção da Biodiversidade; 2) Práticas Sustentáveis e Desenvolvimento Econômico; 3) Recursos Hídricos e Saneamento Básico. Na próxima segunda-feira (24), às 16h, os alunos participam da segunda oficina temática, com a professora Maria Teresa Mariano, geógrafa e mestre em Ciências da Engenharia Ambiental. Ela falará sobre o primeiro subtema.

Depois das oficinas temáticas, os alunos participam da Plenária Municipal, agendada para junho. Neste dia, apresentam, discutem e votam propostas sobre o tema principal do PJ. As proposições são enviadas aos vereadores, que fazem os encaminhamentos necessários.

Polo Sudoeste

Neste ano, Poços de Caldas passou a ser sede regional do Polo Sudoeste, formado pelas cidades de Albertina, Alpinópolis, Botelhos, Cabo Verde, Campestre, Carmo do Rio Claro, Guaranésia, Guaxupé, Itaú de Minas, Juruaia, Muzambinho e Passos. Oito escolas de Poços participam do projeto em 2021: Escola Profissional Dom Bosco, Escola Estadual Dr. Edmundo Gouvêa Cardillo, IFSULDEMINAS – campus Poços de Caldas, Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio, Colégio Nini Mourão, Colégio CEPOC, Escola Estadual Professora Cleusa LovatoCaliari e Colégio Objetivo.

O Parlamento Jovem de Minas é um projeto de formação política e educação legislativa, desenvolvido pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais e PUC Minas, em parceria com Câmaras Municipais. Além de despertar nos jovens o interesse pelo exercício da democracia, o programa possibilita o conhecimento do processo legislativo, bem como a vivência em situações de debates e exposição de opiniões. A Câmara de Poços participa do projeto desde 2009.