Odebrecht tenta evitar recuperação judicial

Com o fracasso da venda da Braskem para a holandesa Lyondell-Basell, a Odebrecht negocia com bancos a reestruturação de um débito de cerca de R$ 20 bilhões em garantias para cobrir empréstimos tomados por empresas como Atvos, Ocyan e OEC, também ligadas ao grupo. O objetivo da Odebrecht é evitar a entrada em recuperação judicial. (Folha)

Fechar Menu