No Senado, escolha adiada

O plenário do Senado suspendeu a votação para a presidência da Casa na noite de ontem, depois de cinco horas de tensão e trocas de insultos. A sessão está prevista para recomeçar hoje, às 11 horas. Antes, Davi Alcolumbre, que concorre ao cargo, conseguiu o voto de 50 senadores para manter a eleição aberta. “Canalha, canalha, canalha”, gritou Renan Calheiros em direção à mesa do Senado, presidida por Alcolumbre.

Fechar Menu