“Não temos pena nem medo de criminosos”

Para reforçar o combate ao crime organizado e à corrupção, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, apresentou projeto de lei a ser enviado ao Congresso que altera 14 leis. Entre outras medidas, a proposta redefine o conceito de organização criminosa, incluindo milícias e facções que atuam em presídios, e também altera regras para progressão de regime. Em mensagem aos parlamentares na abertura do ano legislativo, o presidente Jair Bolsonaro disse que o governo “declara guerra ao crime organizado’’: “Não temos pena nem medo de criminosos”.

Fechar Menu