MP vai investigar esquema do PSL

O Ministério Público Federal em Minas Gerais vai investigar um suposto esquema de caixa dois na campanha do PSL nas eleições de 2018. A suspeita é que o esquema tenha sido comandado pelo então candidato a deputado federal e hoje ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio.

De acordo com o MPF, o objetivo do procedimento preparatório eleitoral é colher subsídios da prestação de contas da candidata Zuleide Oliveira – que segundo reportagem do jornal Folha de S. Paulo, foi convidada pelo ministro a ser laranja na eleição, com pedido de devolução de verba pública do partido.

Fechar Menu