MP quer nova condenação de Pimentel

Em nova etapa da ação penal contra o ex-governador de Minas Fernando Pimentel (PT), o Ministério Público Eleitoral pediu à Justiça nesta segunda-feira que o réu seja condenado pelo suposto crime de falsidade ideológica e que pague uma indenização de R$ 5 milhões aos cofres públicos. Segundo o MP, Pimentel é investigado por ter omitido R$ 1,4 milhão da prestação de contas da campanha eleitoral ao Senado, em 2010. Ele não se elegeu.

Fechar Menu