Ministro do turismo será investigado

O promotor de Justiça de Minas Gerais Fernando Ferreira Abreu disse à Folha que o caso de candidaturas laranjas ligadas ao ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio (PSL), é grave. “Em tese, tem falsidade e apropriação indébita. Precisamos apurar”. Abreu determinou que as candidatas prestem depoimentos e não descarta ouvir o ministro.

Fechar Menu