Portal de Notícias e Web Rádio – CNPJ 44.219.101/0001-23

A vereadora Regina Cioffi teve aprovado requerimento de sua autoria, contendo pedido de informações ao executivo sobre a inadimplência nas contas de luz e água nesse período de pandemia. “Com a pandemia consumidores deixaram de pagar água por não ter condições financeiras. Entre escolher em pagar uma água ou luz e colocar comida na mesa, a pessoa faz a segunda opção. E justa a possibilidade de se elaborar um plano para colaborar com essas pessoas inadimplentes perante o DME e DMAE. A sugestão da vereadora é que os devedores, dependendo da situação econômica, possam parcelar estes débitos para que tenham maior tranqüilidade.

O vereador pastor Roberto dos Santos defendeu maior flexibilização para que as dívidas sejam parceladas em valores que o inadimplente consiga pagar. Já o vereador DineyLenon lembrou que a resolução da Aneel, que proíbe o corte de luz, e atende a princípio 12 milhões de famílias, data de 26 de março e tem vigência até o final de junho. Depois desta data a situação volta a estaca zero e o DME terá que notificar novamente o consumidor dentro do prazo de 15 dias antes de efetuar o corte.

O vereador garantiu que continuam os cortes de energia e que quando vão reivindicar o cumprimento da medida da Aneel a resposta é que a dívida é anterior a resolução.