Após passar por um período muito difícil, com 19 pacientes infectados pelo covid durante o mês de abril, sendo que desses sete perderam a vida para a doença, o setor de Hemodiálise da Santa Casa teve o que comemorar na última quarta-feira.

Entre os 12 pacientes que se recuperaram, foi a vez da paciente Rosimeire Alves Paulino voltar para sua primeira sessão de diálise no setor após vencer a covid-19.

O fato de Rosimeire ter uma saúde muito debilitada, com 22 anos em tratamento hemodialítico  e ter ficado 27 dias internada, sendo 16 dias na CTI e  11 dias intubada, trouxe ainda mais emoção.

Pacientes e equipe multidisciplinar receberam Rosimeire com bexigas e muitas palmas. Um dos momentos mais emocionantes foi quando a equipe cantou para ela a música Conquistando o Impossível, da cantora Jamily.

“Para nós é uma alegria imensa receber a Rosi. Passamos por um período de surto, tivemos 19 pacientes com covid. Dentre eles, sete faleceram decorrente da doença, o restante se recuperaram e estão bem. A Rosi é uma das pacientes que ficou grave, precisou de CTI, ficou intubada e que nós nem tínhamos esperança de que ela voltaria. Então é uma alegria ver a recuperação dela e de todos os outros que passaram pela doença e sobreviveram”, diz a enfermeira nefrologista Josimara Marques Ferreira Fonseca, responsável técnica pelo Serviço de Hemodiálise do Hospital.

A Dra. Mirtes Maria Bertozzi Rodrigues, médica responsável pela Hemodiálise da Santa Casa, destaca o momento triste com as perdas de vidas no Setor e o milagre que foi a recuperação de Rosi.

“A Rosi, pelo tempo dela de diálise, por ser uma paciente mais complicada, graças a Deus ela se recuperou. Até o ano passado foi um momento muito tranquilo no nosso Setor, mas, nesse ano, uma parte de nossos pacientes foram acometidos pelo covid. Nós tivemos bastante trabalho, contamos com a cooperação de toda a equipe de enfermagem, das técnicas de enfermagem e, graças a Deus, a Rosi está aí com a gente de novo”, comemora

Dra. Mirtes, que destaca que as coisas estão melhores no Setor por conta dos pacientes terem sido vacinados.

“Agora o setor, graças a Deus, está tranquilo. Os pacientes todos foram vacinados. Nós conseguimos isso junto à Secretaria de Saúde e, pelo menos, estamos conseguindo trabalhar com um pouco mais de tranquilidade. Passamos por momentos difíceis, chegamos a deixar um turno todo para o tratamento dos pacientes com covid, preservando os pacientes que não estavam com a doença. Conseguimos fazer isso com a cooperação de todos os pacientes, já que tivemos que remanejá-los de horário e agora, graças a Deus, já estamos voltando ao normal”, relata a médica.

Na foto ela aparece ao lado da enfermeira Josimara Marques Ferreira, Rosimeire se emociona com homenagem da equipe da Hemodiálise