Governo deve acelerar entrega de cargos

Depois da aprovação da reforma da Previdência em primeiro turno na Câmara, e sem previsão de quando os R$ 2,5 bilhões empenhados em emendas serão liberados, o governo deve começar agora a destravar nomeações e acelerar a distribuição de cargos para partidos que trabalharam pela proposta. As vagas devem ir para DEM, PP, MDB e PSDB, mas políticos do Nordeste que votaram a favor das mudanças nas regras da aposentadoria também devem ganhar preferência na divisão do bolo. (Estado)

Fechar Menu