Com a participação de representantes da Polícia Militar, Polícia Civil e Guarda Municipal, aconteceu na quarta-feira, a pedido do vereador Silvio de Assis, a audiência pública promovida pela Câmara Municipal que teve como tema ‘Furtos e arrombamentos em próprios públicos e particulares’. A abertura dos trabalhos foi feita pelo vereador Silvio que falou da sua preocupação com o aumento dos furtos de cabos elétricos. “Desde o ano passado o cobre, material nobre encontrado na fiação e excelente condutor de energia, teve seu valor mais do que duplicado. Segundo estudos em Poços houve um crescimento de quase 50% de furtos antes da pandemia. Essa ação criminosa, independente da quantidade da fiação furtada, interrompe de forma inesperada o fornecimento de energia causando, além de prejuízo financeiro, uma série de transtorno a população”, afirmou o vereador.

O comandante da GM, inspetor Marcelo Bastos, afirmou que no ano passado foram registrados pela corporação 5 casos de furtos de fiação em prédios públicos e que neste ano já foram 20. “O que percebemos é que aquela pequena quantidade de fios que eles levam é para venda e compra de drogas. Tem ainda aqueles furtos mais qualificados, como o da subestação do DME, na Saturnino de Brito e ficamos surpresos com a facilidade com que eles entram e furtam sem tomar choque, então são pessoas que têm algum conhecimento da parte de eletricidade”, afirmou Bastos