Fechamento da loja Seller

Quem não acompanha o noticiário ficou surpreso com um anúncio publicado nas redes sociais neste final de semana, anunciando o fechamento da Loja Seller em Poços de Caldas, e o início de uma liquidação total que começa nesta segunda-feira. Na verdade o Grupo Leader, proprietário da rede Seller, há tempo vem se desfazendo das lojas que já paralisaram suas atividades em diversas cidades, entre elas São Carlos, Araraquara, Campinas, Araras e Mogi Guaçu, onde as lojas foram fechadas e os funcionários demitidos, gerando reclamações dos clientes que criaram até um site para reclamações, intitulado “Seller, reclame aqui…”.

Focada em cama, mesa e banho, a Seller possuía antes de iniciar o fechamento, mais de 50 lojas espalhadas por cidades dos Estados de São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul. Em 2013, a rede Seller passou a compor o grupo Leader.

Existe dúvida quanto a substituição da loja em Poços, por outra do grupo com a manutenção dos funcionários. Embora um porta-voz da administração tenha afirmado que a loja vai apenas trocar de nome e manter os funcionários, a dúvida persiste pelo fato de que haverá liquidação total. Se não vai fechar, porque a liquidação? O comunicado oficial não fala em continuidade, apenas anuncia o encerramento das atividades.

Também não dá para culpar o prefeito pelo fechamento da loja, isso seria forçar a barra, tendo em vista que se trata de um problema financeiro que afeta o grupo que tem como principal investidor Fábio Carvalho, que em janeiro do ano passado já ameaçava entrar com um pedido de falência das lojas.

NOTA: O blog entrou em contato com a gerente, com a sra. Eliene, gestora da Seller em Poços de Caldas. A informação oficial é que de acordo com o posicionamento estratégico do Grupo Leader, a Seller encerrará suas atividades na cidade e a previsão é de que o último dia de operação seja no dia 30/04, podendo ser antecipado de acordo com o escoamento do estoque disponível.

Fechar Menu