Na semana passada, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde, publicou resolução como parte do programa Minas Consciente, recomendando aos municípios da região sul, que está na onda vermelha, algumas medidas ainda mais restritivas para o combate a pandemia. Poços de Caldas, Pouso Alegre e Varginha, os principais municípios da região, decidiram não seguir as recomendações.

Ontem, diante do agravamento da situação, o prefeito de Poços com apoio de seus colegas dos municípios da microrregião anunciou para a manhã de hoje a divulgação de novas medidas restritivas para tentar reduzir o avanço do vírus.

Ao mesmo tempo, o Governo do Estado anunciou ontem à tarde flexibilização das medidas do programa Minas Consciente para a região sul, liberando o funcionamento de clubes, salões de beleza, bares e restaurantes para este final de semana (de hoje a domingo), em comemoração ao Dia dos Namorados.

Ao mesmo tempo o porta-voz do governador Zema na região, André Vilas Boas, anunciou em vídeo que está descartada, por parte do governo qualquer medida que implique no retorno da onda roxa.

No meio deste bate-cabeça entre Estado e municípios estão os moradores das cidades atingidas pelas medidas restritivas e principalmente os comerciantes que diante da instabilidade e do vaivém do Estado e das prefeituras já não sabem mais o que é certo ou errado.