Escritório continua aberto

Em matéria publicada no final de semana, o jornal O Tempo abordou o desperdício de dinheiro e a indefinição do governo do estado quanto ao fechamento ou não do escritório de representação em Brasília.

A matéria cita o ex-deputado Geraldo Thadeu como o último chefe do escritório nomeado para o escritório no primeiro ano da gestão do petista Fernando Pimentel e a sua saída do cargo em 2016 após a aprovação de decreto desativando a estrutura.

Só que o escritório nunca foi fechado e até hoje o governo mantém funcionários trabalhando no local, mesmo sem uso das instalações. O governador Romeu Zema ainda não decidiu o que fazer com o escritório de representação que na verdade, nunca justificou a sua condição de autarquia.

Fechar Menu