Efeito colateral

O forrobodó que a vereadora Ligia Podestá e seu colega de bancada, Pedro Magalhães, aprontaram nas sessões legislativas durante as discussões do projeto de filiação do DMAE a uma agência reguladora, uma exigência de lei, renderam a vereadora um puxão de orelhas dado pelo presidente do seu partido (DEM), Tiago Cavelagna.

Quanto ao vereador Pedrinho da Zona Sul, que já tinha caído em desgraça junto ao comando do governo devido a outras estrepolias legislativas, o relacionamento que já não era bom o executivo, ficou ainda pior.

Fechar Menu