O presidente do diretório municipal do PT, Paulo Tadeu, disse que é preciso acabar com a ideia de que uma CPI é aberta para punir ou para fazer política apenas. “Se tiver que ter punição, vai ter punição, mas o fundamental é apurar, identificar o erro e não cometê-lo mais. Não tem que ter aquela característica eu vou pegar este cara. Não é isto. Quando fiz denúncia no Tribunal de Contas e no Ministério Público sobre a utilização do dinheiro dos fundos, eu sempre falei que não era para punir. Tanto é verdade que o prefeito aproveitou de discussões da comissão de inquérito para reduzir a transferência de recursos para o Fundo Funerário e para o Fundo de Fiscalização. Eu disse para os secretários da Fazenda e de Governo quando estiveram lá, para reduzirem os recursos, caso não estivessem conseguindo repassá-los, para que pudessem ficar dentro da lei”, disse o petista