O presidente Marcelo Heitor afirmou que Diney não incluiu em sua fala que houve por parte da Mesa Diretora uma preocupação com a questão. “Como democrata que sou, chamei todos os servidores desta Casa para discutir este assunto e confesso que também fui pego de surpresa quando houve, pelo menos no meu entender, uma pacificação deste assunto. Entendo sim, vereador, que de fato os nossos servidores são extremamente competentes e aqui desta tribuna já falei isso várias vezes e tenho certeza que o reconhecimento, além de financeiro passa pelo respeito e pelas diversas formas que, da minha parte e da Mesa Diretora tenho certeza que nunca faltará com todos os servidores. Agora, de fato, houve uma decisão, inclusive com apoio do sindicato da classe, que conversou com o executivo, e trouxemos este parâmetro para a Casa. Apresentamos a situação para os servidores, perguntando se havia uma compreensão deles pelo momento de dificuldade financeira que não só o nosso município, mas o país, passa”, afirmou o presidente, acrescentando que, mesmo assim, após a proposta do vereador Diney, voltará a conversar sobre o assunto.