Consultoria vai selecionar candidatos

Segundo notícia divulgada pelo jornal O Estado de São Paulo, o partido Novo contratou a consultoria brasileira Exec, responsável pelo recrutamento de executivos de alto escalão para empresas, para selecionar potenciais candidatos para disputar oito prefeituras nas eleições de 2020. O Novo diz que está em busca de empresários ou executivos com capacidade de gestão para disputar as eleições em São Paulo, Rio, Curitiba, Porto Alegre, Salvador, Fortaleza, Belo Horizonte e Recife.

Candidatos a prefeito normalmente são recrutados nas fileiras dos partidos. Também podem ser escolhidos entre celebridades locais que tenham apelo popular, como radialistas e líderes religiosos. De vez em quando aparecem empresários regionais que desejam entrar na política e têm dinheiro para bancar suas campanhas sem precisar dos partidos. Mas recrutamento profissional, como o Novo está propondo, é uma novidade no mundo da política.

Partido terá candidatos em Poços

Em Poços de Caldas, as lideranças que estão reunindo filiados do Partido Novo para criar a legenda no município ainda não definiram quais serão os critérios para a escolha do futuro candidato a prefeito, mas a empresária Gina Remédio Carneiro, uma das líderes do grupo diz que faltam poucos filiados para alcançar o número exigido (150) e com isso criar o diretório municipal.

Ela tem certeza que o partido será formado e estará na disputa das eleições municipais com chapa completa para a Câmara de Vereadores e também com candidato a prefeito e vice na disputa pelo comando da prefeitura. O primeiro objetivo será a fundação do partido para, em seguida, fazer uma seleção entre os postulantes as candidaturas de prefeito e vice.

Como o estatuto do partido proíbe coligações, a chapa será puro sangue e os nomes poderão ser a novidade da próxima eleição, com chance real de vitória uma vez que terão o apoio do governador Romeu Zema.

Tudo leva a acreditar que o candidato a prefeito sairá do meio empresarial, com experiência em administração e com perfil de liderança e competência para realizar as reformas necessárias na máquina administrativa e com isso fazer Poços encontrar novamente o caminho do desenvolvimento e da liderança regional. A empresária garante que alguns filiados já manifestaram o desejo de se candidatar para a disputa dos cargos majoritários.

Taxa inconstitucional

Empreendedores ligados a Associação Comercial e Empresarial de Minas não precisam pagar a taxa de incêndio em 2019. A Justiça de Minas Gerais acatou a liminar coletiva impetrada pela organização, tendo em vista que o Supremo Tribunal Federal (STF) entendeu a cobrança como inconstitucional. A decisão do tribunal mineiro foi publicada nesta quarta-feira dois dias antes do prazo final para pagamento da taxa.

“Diante da resolução do STF, entramos na justiça em favor dos nossos empresários e garantimos que eles estão livres de realizar o pagamento. É um trabalho da associação em defesa do direito dos associados”, comemorou o presidente da ACMinas, Aguinaldo Diniz Filho.

Censo e ambulâncias

O ministro do turismo, AlvaroAntonio, que se diz amigo da cidade, deixou Poços de Caldas fora das 30 rotas escolhidas para receber investimentos em qualificação e marketing.do seu ministério. Mas nem tudo vai mal, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) escolheu Poços de Caldaspara realizar o Censo Experimental, uma espécie de “ensaio geral” do Censo Demográfico 2020. Cerca de 250 funcionários (a serem contratados), vão realizar a coleta experimental.

E o Ministério da Saúde anunciou nesta semana a distribuição de 419 novas ambulâncias para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Em Minas Gerais, apenas dois municípios vão receber as novas ambulâncias. Poços de Caldas, que ganhará três novos veículos, enquanto Sete Lagoas, que fica na Região Central, receberá apenas uma.

Segundo consta, trata-se de um trabalho do secretário de saúde, Carlos Mosconi, que usou da sua influência como ex-deputado federal para conseguir o reforço da frota que atende aos casos de urgência.

Fechar Menu