Classificada, Caldense enfrentará Cruzeiro

Após a vitória por 3 a 0 frente ao Tupynambás, a Caldense se reapresentou na tarde desta segunda-feira no CT. O elenco teve uma longa conversa com o técnico Mauro Fernandes e realizou um trabalho de recuperação física. Na terça pela manhã o grupo fará um treino tático no Ninho dos Periquitos e ao meio dia seguirá viagem para Belo Horizonte, onde irá encarar o Cruzeiro na quarta-feira às 21h30 no Mineirão.

A Veterana alcançou um dos seus objetivos no estadual, garantiu matematicamente sua classificação para as quartas de final. Entretanto o grupo está focado em alcançar outras duas metas: conquistar vaga para a Copa do Brasil e para a Série D 2020. Para isso, a equipe terá de quebrar um tabu de 24 anos se não quiser depender de outros resultados, já que não vence o Cruzeiro fora de casa desde 1995.

Atualmente o Verdão conta com a defesa menos vazada entre os clubes do interior e está na quinta colocação do estadual, com 13 pontos. Já o Cruzeiro ocupa a vice-liderança com 22 pontos. O Mineiro oferece três vagas para a quarta divisão do futebol nacional, destinadas às equipes que não disputam divisão do brasileiro. Já para a Copa do Brasil, são quatro vagas, entretanto, novas vagas podem ser abertas caso Cruzeiro, Atlético e América, por exemplo, se classifiquem à competição através do Brasileirão ou Ranking da CBF.

Retrospecto

O retrospecto geral do confronto assinala 78 jogos, sendo 6 vitórias da Caldense, 20 empates e 52 vitórias do Cruzeiro. A Veterana marcou 44 gols e sofreu 154. Em toda a história, a Caldense venceu a Raposa fora de casa apenas uma vez, em fevereiro de 1995, por 1 a 0, com gol de Vantuir. As outras vitória do Verdão foram em casa, sempre por 1 a 0, nos estaduais de 74, 75, 83 e 2004. Exceto em 76, quando venceu por 2 a 1. No último confronto entre as equipes, pelo Mineiro de 2018, empate por 0 a 0 no Ronaldão.

Desfalques e retornos

Para o duelo, a Caldense não poderá contar Leleco, que segue em tratamento no departamento médico. Os demais atletas estão em plenas condições de jogo. Ninguém está suspenso por cartões.

Pendurados

O lateral-esquerdo Edu Pina e o zagueiro Rodolfo estão pendurados com dois cartões amarelos. Lazarini, Felipe Baiano, Lorran, Renan Ribeiro, Joel, Romário, Salatiel e Omar levaram um cartão cada na competição. Felipe Baiano (4), Judson (2), Romário (2), Lazarini, Lorran e Carlinhos são os autores dos gols da equipe no campeonato.

Arbitragem

A arbitragem ficará a cargo de Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira, que apitou a derrota da Veterana por 2 a 0 frente ao Patrocinense no estadual deste ano. Além de Ricardo Junio de Souza (assistente 1), Magno Arantes Lira (assistente 2), Adílio Ribeiro da Silva (quarto árbitro) e Flávio Henrique Coutinho Teixeira (observador). Renan Muniz.

Fechar Menu