A Caldense irá sediar aos sábados, no Ginásio Luiz Sodré Ayres, das 9 às 11 horas da manhã, as aulas do projeto “Badminton: Esporte Olímpico”, para alunos nascidos entre 2005 e 2010. Podem participar sócios e não sócios do clube.

Os treinos serão comandados pelo professor Deusdedit Assis Filho, conhecido por “Dedão”. O projeto é realizado pela Lei Municipal de Incentivo ao Esporte, Prefeitura de Poços de Caldas e Secretaria Municipal de Esportes. Com o incentivo da empresa Ouro Mix Concreto Usinado e apoio da Associação Atlética Caldense.

Os garotos e garotas que quiserem praticar a modalidade devem fazer inscrição diretamente com o professor “Dedão”, através do WhatsApp (35) 9 8854-5040.

As vagas são limitadas. Para participar das aulas basta comparecer no horário indicado na sede social da Caldense utilizando roupas esportivas, máscara e garrafa de água, já que os bebedouros do clube estão desativados em virtude da pandemia.

O badminton é um esporte olímpico que surgiu na Inglaterra no século XIX e é muito popular na Europa e Ásia. Assemelha-se com o tênis de campo e também com a peteca. Pode ser praticado na disputa entre dois jogadores ou em duplas. Os jogadores utilizam raquetes, semelhantes à do tênis. Mas ao invés de uma bola, jogam com uma espécie de peteca, chamada de volante.

O objetivo é fazer com que o volante passe por cima da rede e atinja o solo da quadra adversária. Quando isso é alcançado, soma-se um ponto, que vão se acumulando até um dos jogadores atingir 21 pontos e vencer o game. O jogo acaba quando o competidor vence dois games. O volante atinge velocidades superiores à de uma bola de tênis, podendo chegar até 300 km/h, sendo considerado o esporte de raquete mais rápido do mundo.