AMM dá ultimato ao governador

O presidente da Associação Mineira de Municípios (AMM), Julvan Lacerda, deu nesta terça-feira um ultimato ao governador Romeu Zema: se o acordo com os municípios para pagar repasses de ICMS e IPVA retidos pelo estado não sair até sexta-feira, as prefeituras vão parar. Os prefeitos também prometem acionar o governador na Justiça com pedidos de intervenção federal e impeachment.

Desde o início do novo governo, os prefeitos tentam resolver a situação. Zema regularizou os repasses a partir de fevereiro, mas não pagou os cerca de R$ 1 bilhão que reteve em janeiro, mês de maior arrecadação para as prefeituras.

“Ele quer começar a pagar tudo no ano que vem. O do Pimentel estamos dispostos a esperar, dar carência para colaborar com o estado, mas o que ele (Zema) confiscou temos que receber este ano. A arrecadação de janeiro e fevereiro é muito diferenciada, chega a dar quatro vezes mais. Ele pegou o mês melhor do ano e mordeu tudo”, disse Julvan.

Fechar Menu