Aécio tenta fugir da expulsão

Aécio Neves começou a pedir socorro a correligionários para tentar evitar sua expulsão do PSDB. Nessas conversas, Aécio apela. Argumenta que em hipótese alguma deve-se deixar um homem acuado e sem saída, como ele está hoje, e pergunta por que só ele será expurgado, enquanto outras estrelas tucanas da Lava-Jato, como os ex-detentos Marcondes Perillo e Beto Richa, ambos ex-governadores como ele, parecem invisíveis ao comando do partido. Por fim, Aécio tenta convencer o interlocutor que, diferentemente do que se passou nas últimas disputas, suas agruras não vão comprometer o desempenho do PSDB nas próximas eleições.

Fechar Menu