Aécio se torna réu por corrupção

O deputado federal Aécio Neves se tornou réu nesta sexta-feira pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, além de obstrução da Justiça. O caso é referente às investigações da Lava-Jato que apontaram que o tucano teria recebido R$ 2 milhões em propina, como disse em delação Joesley Batista, do grupo J&F. A denúncia foi apresentada pela Procuradoria-Geral da República. A decisão é do juiz federal João Batista Gonçalves, da vara de São Paulo, responsável pelas investigações dos casos de corrupção

Fechar Menu