Abandono

O projeto de lei que estabelece Parcerias Público Privadas (PPP) para privatização dos pontos turísticos está em análise na Câmara Municipal com boa chance de ser aprovado, isso após as análises nas comissões permanentes, audiência pública e por fim votação em plenário.

Vencida esta fase o projeto será sancionado pelo chefe do executivo, passando para a fase seguinte que serão as licitações para escolha dos interessados em assumir os pontos de passeio. Essa tramitação deve demorar meses e se tudo correr bem, os pontos turísticos serão entregues para a iniciativa privada no final do ano. Enquanto isso, a prefeitura deveria cuidar melhor dos pontos de passeio que estão sem manutenção, provocando reclamação dos turistas.

Fechar Menu