A diferença entre executivo e legislativo

 

“Como vereador eu tive a possibilidade de ter uma percepção real de ter contribuído ativamente para o Legislativo municipal, com ações concretas e efetivas, sempre de forma respeitosa. Agora como vice-prefeito e secretário eu tive a oportunidade de ter outra visão, que é a do poder executivo. Foi muito bacana e tivemos a prática real na secretaria de poder avançar em muitas questões em prol da nossa comunidade”, garantiu Flávio Faria, ontem, durante entrevista a TV Plan. Ele lembrou que no dia-a-dia quem responde pela prefeitura é o prefeito e que o vice responde apenas na sua ausência.

 

Pesquisa eleitoral

Sobre a pesquisa eleitoral divulgada recentemente pelo grupo Cioffi de Comunicação, Flávio Faria disse que o momento é de reflexão, lembrando que as convenções começarão em 31 de agosto e que haverá muita discussão pela frente. “A democracia é festa, alegria, momento em que a população pode participar e escolher as pessoas que estarão representando a nossa sociedade nos próximos 4 anos. Então vai ser um momento muito importante para Poços de Caldas, para o Brasil, mas é um momento delicado porque estamos passando por uma pandemia em que teremos uma eleição atípica diferente daquelas que estávamos acostumados.”

 

Sinalizou candidatura

Perguntado sobre uma possível candidatura a prefeito, Flávio faria respondeu que sua atuação na política sempre foi definida em conjunto com o seu grupo e hoje existe sim, uma pré-disposição do em lançar seu nome como candidato a chefia do executivo., mas que “não foi nada sacramentado ainda. Essa discussão tem ocorrido e vamos construir um diálogo com outras frentes políticas para avançar nas ações em prol da nossa cidade, temos que defender aquilo que for melhor para Poços. O grupo não decidiu ainda, mas tem está pré-disposição do meu nome para disputar a prefeitura”, informou.

Fechar Menu