* Nesta terça-feira, a Câmara Municipal retoma suas atividades após o recesso de julho, dando continuidade ao primeiro ano da presente legislatura. Se analisarmos a atuação dos vereadores e do poder legislativo como um todo no primeiro semestre, não há como deixar de elogiar a atuação do legislativo municipal neste período pelo fato de haver retomado o protagonismo que perdeu nas últimas legislaturas. Foi sem dúvida, um início diferenciado e promissor para este mandato.

* Vale destacar a boa atuação do presidente, Marcelo Heitor (PSC), assim como de toda a mesa diretora pela condução dos trabalhos. O presidente, com muita habilidade soube conduzir a atuação dos seus colegas, mantendo um diálogo respeitoso entre eles, sendo peça importante no também diálogo do legislativo com o executivo onde projetos foram discutidos, analisados e aprovados de comum acordo.

* Sem menosprezo aos demais, destacamos o trabalho da vereadora Regina Cioffi (PP) que com sua experiência de outras legislaturas apresentou e teve aprovados projetos de relevância, levantando assuntos de real interesse da população. Pela ordem foi a melhor vereadora, seguida do oposicionista DinneyLenon (PT) e Flávio Togni de Lima e Silva (PSDB), que além dos bons projetos apresentados, entre eles, o Recupera Poços, desempenhou com equilíbrio o papel de líder do governo na Cãmara.

* Nossos votos são de que o bom trabalho continue neste segundo semestre, e se tudo correr dentro do esperado, com o plenário sendo liberado para a população e que ao final das restrições impostas pela pandemia, a Câmara possa retomar o contato direto com os moradores por meio de reuniões itinerantes nos bairros para ouvir as reivindicações dos seus moradores.

* E’ justo reconhecer também que da parte do executivo houve uma melhora nas tratativas para com os vereadores. O secretário de governo Celso Donato, está dedicando mais atenção as solicitações dos vereadores e muitas vezes até os acompanha nas visitas aos bairros para se inteirar das reivindicações feitas pelos moradores. Isso é bom, lembrando que os poderes são independentes, porém devem trabalhar de forma harmoniosa quando se trata de atender a população.

* Jovens empresários, em cujos ombros pesa a responsabilidade de assumir a direção das empresas criadas pela família e que cresceram graças ao esforço e capacidade dos pais e outros parentes de espírito empreendedor começam a chamar a atenção pela preocupação com que enxergam o futuro da cidade. Esse foi o principal motivo que os levou a contratar a secretária executiva da Agência de Desenvolvimento para o Leste paulista e Sul de Minas, Amélia Queiroz, no sentido e elaborar um projeto de longo prazo para o desenvolvimento urbano do município.

* A iniciativa não tem nenhuma motivação política e o interesse maior desta iniciativa nada mais é que colaborar com o poder público na busca de um planejamento (e até mesmo recursos), para colocar em prática um plano de desenvolvimento organizado. O primeiro e único plano neste sentido foi feito pela Consultec, que é lembrado até os dias de hoje,