* O clima era de alivio ontem no andar de cima da casa amarela no início da noite, após a divulgação do boletim epidemiológico do dia. A ocupação dos leitos de pacientes graves contaminados com o coronavirus caiu para menos de 100% (94,52%) após várias semanas sem vagas para novos pacientes, o número de novos casos foi de apenas 55, bem menor também do que vinha sendo registrado nos últimos dias e até mesmo os contaminados em isolamento domiciliar caiu para menos de mil, o boletim registra 996 pessoas nessa condição. Ufa!!!

* Pelo andar da carruagem a definição sobre o projeto de terceirização dos pontos de passeio junto com o teleférico, lançado em novembro de 2017 e até hoje não concretizado, dificilmente será concluído até o final do ano. Enquanto a concessão não sai, os pontos turísticos permanecem sem uma manutenção adequada e o teleférico pelo mesmo motivo está parado com o equipamento se deteriorando e agora até mesmo sem parte da sua fiação elétrica, surrupiada por dois larápios na semana passada.

* A previsão para retomada do turismo pós pandemia que está sendo prevista em outros destinos turísticos é para o mês de outubro, no máximo. Está na hora de o prefeito tomar uma decisão e resolver a questão para que a cidade cuja vocação principal é o turismo, não sofra ainda mais prejuízo. A reconstrução da Casa de Chá, no Recanto Japonês, é outra novela com vários capítulos que continua sem solução. Issopara não falar, mais uma vez, do Monotrilho que agora é de responsabilidade da prefeitura.

* Para os próximos dias está sendo agendado um tête-à-tête entre o secretário de governo e pré-candidato deputado federal Celso Donato e Demilton Vacarelli, assessor do deputado estadual Mauro Tramonte. O papo reto será apenas uma primeira conversa com vistas a eleição de 2022, e mesmo que não resulte em parceria pelo menos servirá para quebrar o gelo para que a campanha seja disputada em clima de civilidade, com os candidatos colocando sempre o interesse da cidade em primeiro lugar.

* Celso tem demonstrado entusiasmo com a maneira como tem sido recebido pelos eleitores neste início de caminhada onde busca consolidar o seu nome como candidato a deputado federal pelo PSDB. Demonstra muita confiança no apoio que certamente receberá durante a campanha do prefeito Sérgio Azevedo, o seu principal cabo eleitoral, junto com Carlos Mosconi, na busca do objetivo maior que é o se tornar representante de Poços de Caldas em Brasília.

* E por falar no secretário de governo, Celso viaja hoje para Brasília, em companhia do prefeito Sérgio Azevedo. Na capital federal a dupla tem agendadas audiências em alguns Ministérios para tratar de assuntos que dizem respeito a cidade, agora com mais tranquilidade uma vez que a CND da Prefeitura será renovada. Também está prevista uma visita ao Congresso com passagem por gabinetes de deputados e também no Senado. 

* Em off uma fonte ligada ao andar de cima da casa amarela informa que a ida do prefeito e do seu principal assessor à Brasília, além de levar na bagagem várias solicitações de recursos da União para infraestrutura, saúde e educação no município, está nos planos do alcaide tratativas com partidos que estão assediando o secretário Celso Donato para uma candidatura a deputado federal. Pelo que foi apurado pelo blog, na semana passada o prefeito e o ex-deputado Carlos Mosconi foram procurados por um interlocutor a mando de um senador presidenciável para tratar de assuntos com vistas a eleição de 2022 e receberam inclusive convite para uma conversa tête-à-tête.