Portal de Notícias e Web Rádio – CNPJ 44.219.101/0001-23

* Todos que forem vacinar contra a covid-19 terão que apresentar além dos documentos normais exigidos, também o comprovante de residência. A coordenadora da sala de vacina da Urca, Ana Corina Pacheco de Miranda, explicou que esta nova medida foi necessária porque com a ampliação dos grupos e de mais pessoas sendo atendidas, surgiram outras da região, mas que a vacina é destinada só os moradores de Poços, uma vez que cada município conta com seu próprio programa de vacinação.

* Mais uma vitória da vereadora Regina Cioffi. Uma troca de ofícios entre a Câmara Municipal de Poços de Caldas e o Laboratório de Poços de Caldas da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) selou a indicação de dois servidores do LAPOC para compor o Grupo Especial de Trabalho, o Dr. Alexandre Pereira de Oliveira e o Dr. Heber Luiz Caponi Alberti. O grupo terá como objetivo analisar os agravos ambientais com repercussão nas águas e realizar estudos para a elaboração do Plano Diretor de Recursos Hídricos do Município de Poços de Caldas. A Comissão das Águas que tem a vereadora como presidente só foi reativada após insistência de Regina junto ao presidente Marcelo Heitor.

* Até agora o processo no Ministério da Educação para a construção da creche no Jardim São Bento não caminhou. O convênio foi assinado em 2020 e a creche, segundo consta, não será mais no bairro e. por enquanto o MEC não liberou o recurso para a construção devido a falta documentação a ser enviada pela Secretaria de Planejamento.

* O Governo de Minas solicitou à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorização para importação excepcional de doses da vacina Sputnik, produzida na Rússia. O Estado está em negociação comercial avançada com o Fundo Soberano Russo para a compra dos imunizantes. O objetivo do governo estadual é garantir a vacinação do maior número de pessoas o mais rápido possível.

* Segundo DemiltonVacarelli, assessor parlamentar do deputado Mauro Tramonte, os deputados da Assembleia Legislativa de Minas Gerais articulam a criação de uma emenda ao projeto do acordo com a Vale para repassar parte do dinheiro para todos os 853 municípios mineiros de forma proporcional à sua população. Caso a proposta dos deputados seja aprovada Poços de Caldas receberá R$ 7 milhões.

* O coordenador regional do governo Zema na região, André Vilas Boas têm insistido em mensagens postadas no Instagram, para que o projeto seja aprovado o mais rápido possível na Assembleia Legislativa na forma original, sem constar a emenda proposta pelos deputados. Nesse caso Poços correria o risco de perder o recurso, até porque o município está sem a CND.

* Ao participar ontem do programa Boca Boa, da Master Web Rádio, o promotor de Justiça, Glaucir Antunes Modesto, revelou que está gostando da atuação dos novos vereadores. “Acho que é uma Câmara sem vícios dos políticos antigos e que está com uma inovação na forma de atuar. Espero que eles tenham fôlego e tempo para continuar neste ritmo que está bem puxado. Eu acompanho o ritmo principalmente do Dofu, que é meu genro, e sei que sua agenda é enorme, mas participo também da agenda do Flavinho, do Paulista e de alguns vereadores, como a Regina Cioffi, e vejo que estão com uma atuação incansável e inovadora”, afirmou.