* Minas confirmou 12.874 casos e 488 mortes por COVID-19 em 24 horas. De acordo com o boletim epidemiológico, divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde, nesta quarta (28/4), desde o início da pandemia, 1.342.892 testaram positivo para o novo coronavírus. Desse total, 32.985 morreram em decorrência da doença.

* Pelo que se ouviu ontem, na audiência sobre o transporte coletivo, do Secretário de Defesa Social, Rafael Conde, e da Procuradora geral, Vanessa gavião, a concessão de subsídio deve ser a saída para que o serviço não seja interrompido no dia 21 de maio quando termina o contrato emergencial firmado com a atual concessionária. Já a assinatura do contrato com a Floramar, vencedora da concorrência pública para exploração do serviço continua em compasso de espera dependendo dos estudos que será apresentado pelo CEFET-MG sobre o valor da tarifa, principalmente.

* A Comissão de Fiscalização Financeira e Orçamentária da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) aprovou nesta quarta-feira uma emenda que cria um benefício de R$ 500 a ser pago, em parcela única, para as famílias em situação de extrema pobreza em Minas Gerais. A medida tem como objetivo atenuar as consequências econômicas e sociais causadas pela crise decorrente da Covid-19. A emenda foi incluída no projeto de lei Recomeça Minas.

* Em evento remoto para empresários, o governador Romeu Zema (Novo) disse que faltou humildade do presidente Jair Bolsonaro para ouvir especialistas em saúde no combate à pandemia de Covid-19. A declaração foi dada, nesta quarta-feira (28) no evento Transforma Minas, realizado pela Fecomércio.

* A imprensa local está de luto, em dois dias perdemos Fernando, da revista Agito Vip e ontem da cronista social e diretora do Brand News, Lurdinha Camillo, pessoa do bem, querida por todos pela sua simpatia e espírito alegre. Que Deus a tenha, cumpriu com louvor sua missão na vida terrena e com certeza está agra nos braços do Pai. Nossos sentimentos ao querido amigo Odair Camillo extensivos a toda família.