Portal de Notícias e Web Rádio 

* Na entrevista de ontem, ao repórter Silas Lafaiete, o vice-prefeito Júlio de Freitas informou que o teleférico será mesmo colocado em funcionamento no dia 1.o de julho. Mas esclareceu que ele será ligado para ver se tudo está funcionando sem problemas e em seguida será novamente desligado e assim vai permanecer até o final da concorrência pública que fará a concessão dos pontos de passeio mais o teleférico.

* No mínimo estranho, porque parado o equipamento vai deixar de arrecadar e correndo o risco de ser novamente alvo de vândalos, além de deterioração no seu maquinário e instalação elétrica. Se a intenção é deixa-lo sem funcionar até que sejam concluídas as obras de reforma e ampliação das duas estações, até que justifica a espera, porém, se for aguardar o final da licitação, aí, com certeza, deve permanecer sem funcionar por mais um bom tempo.

* Mais uma para reclamar com o governador Romeu Zema que vai estar por aqui no dia 9 de julho, no encontro do partido Novo. A Prefeitura está comprando diversas viaturas para serem utilizadas pela Polícia Militar, isso se deve à falta de viaturas cuja compra seria uma obrigação do Estado. Enquanto isso, as ruas e avenidas continuam esburacadas, repletas de remendos, além das creches cujos prédios estão caindo aos pedaços.

* E por falar em trânsito, o secretário de obras continua dormindo em cima do projeto que o secretário Rafael Conde de Maria, responsável pelo trânsito, encaminhou a ele para construir a rotatória no cruzamento da Avenida João Pinheiro com as ruas AntonioTogni e Xavantes.  O secretário de obras ainda fez pior, mandou retirar do local uma pequena ilha que permitia maior segurança aos pedestres. Coisa de governo técnico, né?

* Em setembro do ano passado, o Ministério Público recebeu uma denúncia anônima acusando o secretário Thiago Mariano, titular da Secretaria de Desenvolvimento e Trabalho (Sedet), de estar desvirtuando a aplicação de recursos depositados no fundo oficial do Conselho Municipal de Inovação, Ciência e Tecnologia e até criando uma associação para transferência desse recurso.

* A denúncia foi arquivada após os esclarecimentos prestados e documentos apresentados pelo secretário e ontem (06), o grupo oficial do Conselho realizou reunião para análise das contas do fundo referente ao período de abril de 2021 a maio de 2022. Apresentados os extratos da movimentação da conta no Banco do Brasil, onde está depositado o dinheiro do fundo, ela foi aprovada por unanimidade dos membros que integram o Conselho.

* Vale ressaltar valendo que até dezembro de 2021, a conta estava zerada, sem movimentação, com a captação e os depósitos tendo início apenas em janeiro de 2022. No extrato referente ao mês de maio o valor depositado soma R$ 388.421,00, não tendo sido realizada nenhum saque ou transferência no período de janeiro a maio de 2022.