Portal de Notícias e Web Rádio 

* Os dirigentes de emissoras de rádio e televisão em Minas Gerais, de caráter educativo, já podem soltar foguetes e fazer festa porque a proposta do deputado Mauro Tramonte (Republicanos), que iniciou sua carreira de apresentador na TV Poços, foi sancionada pelo governador Romeu Zema e publicada no Diário Oficial do Estado, quinta-feira, dia 12 de maio.

* Pela proposta do nobre deputado, que ganhou apoio dos seus colegas de Assembleia Legislativa e também do governador Zema, essas emissoras, a partir de agora já podem receber recursos e veicular publicidade institucional de entidades de direito público ou privado, a título de apoio cultural, admitindo-se o patrocínio de programas, eventos e projetos, vedada a veiculação de propaganda.

* Pela Lei, que leva o número 24.090, as duas emissoras de televisão com sede em Poços de Caldas (TV Poços e TV Plan), estão liberadas para receber recursos do Governo do Estado, não só da administração direta, mas também de empresas administradas pelo Estado, para divulgar publicidade relativa à cultura, turismo e gastronomia

* Como a lei inclui também as emissoras de rádio de caráter educativo, pela lógica, a Rádio Libertas também pode se inscrever para ser uma das beneficiadas com as propagandas institucionais, o que não deixa de ser interessante. Com este faturamento, seriam aliviadas as despesas com a manutenção da emissora e folha de pessoal, a cargo do município. A lei aprovada não inclui as emissoras comunitárias.

* O empresário Sérgio Krisanski, proprietário do Pampa Churrascaria, que já ocupou cargo de secretário municipal em administração passada e também já foi dirigente de partido, vem sendo procurado por lideranças políticas da região, interessadas em se inteirar de como anda a política local. Foi por meio do também empresário, Flávio Rios, de Pouso Alegre, e seu amigo, que o ex-prefeito Rafael Simões, agendou a reunião em Poços, da qual participaram o ex-deputado Geraldo Thadeu e o Promotor de Justiça, Glaucir Antunes Modesto, de quem o ex-prefeito é amigo há muitos anos.

* Depois de saber pelos jornais que o senador Rodrigo Pacheco, só no ano de 2021, distribuiu R$ 180 milhões por meio do chamado orçamento secreto, para cidades mineiras, a conclusão é de que o prefeito Sérgio Azevedo e Celso Donato, foram modestos ao pedir a liberação de emenda parlamentar no valor de R$ 5 milhões ao senador. Como a maior cidade da região Sul, Poços merece muito mais que isso.